Comércio de Palmas espera aumento de 9% nas vendas de Dia dos Pais

  • 03 de agosto de 2021 - 10:39



A reabertura das atividades comerciais e o avanço da vacinação parecem trazer também um cenário de aquecimento das vendas para o Dia dos Pais. Conforme aponta pesquisa realizada pelo SPC Brasil, em parceria com a Offer Wise Pesquisas, repassada para a CDL Palmas, 67% dos consumidores pretendem presentear neste Dia dos Pais. 

 

O número de consumidores que vão às compras em Palmas representa um aumento de 9% em relação a 2020, quando o cenário ainda era de muitas incertezas. Segundo o levantamento, o valor médio do presente também subiu em relação ao ano passado. Em 2021, os clientes pretendem gastar cerca de R$207 com presentes. Sobre os itens preferidos para presentear, 50% pretendem comprar roupas, 43% perfumes e/ou cosméticos, 36% calçados e 29% acessórios. Já em relação ao número de itens que serão comprados, em média, os consumidores pretendem comprar 1,9 presentes.

 

O presidente da CDL Palmas, Silvan Portilho, fala sobre a expectativa dos lojistas. “O comércio investe muito nas datas comemorativas, pois elas dão um retorno expressivo. Por isso, o consumidor pode esperar lojas preparadas e com muita diversidade de itens. O comércio local está de portas abertas para receber os clientes nesta retomada da economia”, disse. 

 

A pesquisa mostrou que os principais motivos para comprar presentes são: a vontade de retribuir o carinho e o esforço do pai (45%), considerar que o presente é um gesto importante (26%) e ter o costume de presentear pessoas queridas (24%). Além disso, 63% pretendem presentear o próprio pai, 21% o esposo, 15% o pai de seus filhos e 12% o sogro. 

 

Oito em cada dez consumidores (79%) pretendem pesquisar preços para economizar antes de fazer as compras do Dia dos Pais, sendo que a maioria utiliza sites/aplicativos (76%), as redes sociais (47%), lojas de shopping (46%) e lojas de rua (34%) . 

 

Um dado a se destacar é que o consumidor está se sentindo mais seguro para voltar às compras presencialmente. Quase metade dos consumidores (47%) afirmaram que se sentem em segurança para realizar compras em lojas de rua, um aumento de 18 pontos percentuais em comparação ao ano passado.

 

A grande maioria dos consumidores (83%) pretende pagar o presente à vista, principalmente no dinheiro (34%), no cartão de débito (27%) e no PIX (22%). 36% preferem pagar à prazo, principalmente com parcelas no cartão de crédito (32%). A média geral é de 3,9 prestações. Quando se trata de escolher o local de compra do presente, 49% são influenciados pelo preço, 45% pela qualidade dos produtos, 38% pelas promoções e descontos, 23%  pela diversidade de itens, e 23% pelo frete grátis. 

 

“É importante frisar que o consumidor precisa se planejar, colocar suas finanças na ‘ponta do lápis’. Sabemos que o ato de presentear é importante, mas isso deve ser feito com consciência. Nosso conselho é: se planeje, busque um presente que está dentro do seu orçamento. Pesquise nas lojas do comércio, pois em Palmas há variedade de presentes e opções de preços”, finalizou Silvan Portilho.